17 de mar de 2010

Fascite Plantar

Runner's World Brasil

"Diversos fatores podem tê-la levado a desenvolver esse problema, como alterações intrínsecas (anatomia do pé e membros inferiores, problemas metabólicos, etc) ou então fatores externos, como intensidade e volume de treino, calçados, etc. De maneira geral, a fascite plantar tem bons resultados com tratamento conservador, sendo menos frequente a necessidade de infiltrações e cirurgias. Esse tratamento inclui alongamentos e manipulações da fáscia plantar, crioterapia (gelo), medicações anti-inflamatórias e diminuição da carga local, seja com diminuição ou interrupção temporária de treinos e ajuda de órteses (palmilhas de sustentação do arco do pé).
Nos casos mais resistentes ao tratamento conservador, terapia de ondas de choque, infiltrações e até cirurgias podem ser indicadas. De qualquer forma, o caminho a seguir deve ser indicado pelo médico que a acompanha, tendo em mãos todos os dados necessários para escolher a melhor forma de abordagem".

Nenhum comentário:

Postar um comentário